por Marcia David Poeta

19.8.14

Afetos

Cortina, bordados, trama. Lembranças coloridas de afetos passados. 
Desafetos do medo. Uma luz que se acende, uma delas se apaga. 
Bolhas espocam no palco e a plateia de boca aberta. 
Novos pensamentos e sentimentos recém-nascidos. 
Tudo é novo. Tudo brota. Tudo caminha.






Nenhum comentário: